Destaque

Fundo Fera doa ventiladores pulmonares ao Oeste e Foz do Itajaí

As regiões catarinenses do Oeste e da Foz do Rio Itajaí receberam nesta terça (11), respiradores pulmonares doados pelo Fundo Empresarial para Reação Articulada de Santa Catarina Contra o Coronavírus (Fera/SC), liderado pela Federação das Indústrias (Fiesc). A concessão das duas unidades foi feita em parceria com o Sindicato das Indústrias da Carne e Derivados (Sindicarne), que articulou as doações do segmento ao Fundo Empresarial. A ação integra um esforço do setor industrial brasileiro de aumentar o número de ventiladores pulmonares nas unidades de terapia intensiva (UTI). Além da compra dos equipamentos, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), a Confederação Nacional da Indústria e as federações estaduais atuam em outras frentes, como o apoio para ampliar a produção interna e a restauração de aparelhos danificados – foram consertados mais de 2 mil no país.

Com as doações efetivadas nesta terça, foram beneficiados o Hospital Marieta Konder Bornhausen, de Itajaí, e o Hospital Regional Oeste, de Chapecó. Os aparelhos foram fornecidos pela Novitech, da São Bernardo do Campo, indústria parceira do Senai na frente de ampliação da produção nacional.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

O presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar, lembra que qualquer empresa ou cidadão pode contribuir para o Fundo Empresarial Articulado. “Propomos um trabalho conjunto da sociedade catarinense na superação da pandemia com a maior rapidez possível”, acrescenta Aguiar. O presidente da Fiesc destaca ainda que os ventiladores são um dos recursos mais importantes no combate à Covid, pois é um equipamento vital para aqueles que apresentarem os sintomas mais graves da doença.

“É uma satisfação muito grande contribuir com essa campanha junto com a Fiesc”, afirmou a presidente do Sindicarne, Irani Pamplona Peters. “Nesse momento em que a sociedade precisa de auxílio na saúde, ficamos felizes em poder contribuir em projetos que ajudam a salvar vidas”, acrescentou.

“Esse projeto integra uma série de ações da Fiesc em relação ao coronavírus. Com o apoio do Sindicarne conseguimos recursos para a aquisição do respirador e fazer a doação ao Hospital Regional do Oeste que atende toda a região, sendo referência em saúde”, destacou, em Chapecó, o vice-presidente regional da Fiesc, Waldemar Schmitz. Segundo ele, a Federação das Indústrias tem feito um trabalho intenso de auxílio às indústrias e à comunidade, em iniciativas como o Programa Travessia, o CoronaDados e o Conecta SC.

“Quando a gente está lá no front, a gente olha para trás e vê que não está sozinho”, disse o diretor de operações do Hospital Marieta, Dan Iuri Cabreira, referindo-se aos apoios que as instituições de saúde recebem da comunidade, como é o caso da doação dos respiradores. “Isso nos dá um alento muito forte. A gente sabe que essa luta não é só nossa. A sociedade está nos ajudando com muita força. Saibam que esse equipamento vai ajudar demais aqui dentro do hospital”, agradeceu. O Hospital Marieta é referência na região para o tratamento da Covid-19 por receber pacientes de toda a região da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí. Segundo Cabreira, o equipamento doado será utilizado em um dos 20 novos leitos que estão sendo habilitados para tratamento da doença.

Segundo o presidente da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, que administra o HRO, Rogério Getúlio Delatorre, o aparelho recebido será de extrema importância à instituição. “Todas as doações, ações e trabalhos voluntários realizados em prol do hospital sempre vem nos auxiliar na manutenção da qualidade dos serviços hospitalares prestados pela instituição à comunidade de Chapecó e região de abrangência, principalmente neste momento tão delicado vivido pela sociedade e instituições de saúde no enfrentamento da pandemia”, disse.

No final de julho, haviam sido doados respiradores a hospitais das regiões de Rio do Sul, Jaraguá do Sul e Grande Florianópolis, também adquiridos com recursos do Fera, em parceria com as empresas Pamplona Alimentos S.A., Duas Rodas e Softplan, respectivamente.

Rede voluntária coordenada pelo Senai entrega mais de 2 mil respiradores

A solidariedade de mais de 700 voluntários de rede coordenada pelo Senai fez a diferença na vida de milhares de pessoas em todo o Brasil. Desde que a pandemia do novo coronavírus atingiu o país, mais de 2 mil ventiladores pulmonares foram consertados gratuitamente e devolvidos a instituições de saúde em 24 estados e no Distrito Federal.

Os aparelhos, importantes no tratamento de doentes graves da Covid-19, estavam sem uso e foram restaurados graças à união de 28 instituições e empresas. Desde 30 de março, quando a Iniciativa + Manutenção de Respiradores passou a trabalhar, foram recebidos em todo o país 3.989 respiradores, dos quais 951 estão em manutenção e 173 passam por calibração, última etapa antes da devolução ao serviço de saúde. A maioria dos equipamentos restaurados precisava de novas peças para voltar a operar.

PARCERIA – A iniciativa conta com a participação de unidades do Senai e dos seguintes parceiros: ArcelorMittal, BMW Group, Estúdios Globo, Fiat Chrysler Automóveis (FCA), Ford, General Motors, Honda, Hyundai Motor Brasil, Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e POLI-USP, Instituto Votorantim, Jaguar Land Rover, Mercedes-Benz do Brasil, Moto Honda, Nidec Global Appliance, Petrobras, Renault, Scania, SLS Hospitalar, Toyota, Troller, Usiminas, Vale, Volkswagen do Brasil, Volvo do Brasil e Whirlpool, com o apoio do Ministério da Saúde, do Ministério da Economia, do Ministério da Defesa, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e da Associação Brasileira de Engenharia Clínica (ABEClin).

Além do Senai, investiram mais de R$ 4 milhões em aquisição de peças para viabilizar o reparo dos equipamentos a Petrobras, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), a Votorantim e a aliança Todos pela Saúde, que conta com recursos do banco Itaú, entre outros doadores.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios