Destaque

Pandemia gera aprendizado para indústrias do oeste catarinense

Reuniões, palestras e eventos virtuais, necessidade de planejamento e organização, investimento em tecnologia e disseminação de informação foram alguns aspectos citados por industriais que ficarão como aprendizado após a pandemia. Os relatos foram feitos durante reunião on-line da Vice-Presidência Regional Oeste da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), nesta terça (29), com os sindicatos patronais das indústrias filiados à entidade.

O encontro foi presidido pelo empresário Waldemar Antônio Schmitz, vice-presidente regional Oeste da Fiesc, e contou com a presença dos dirigentes do Simovale, Sindiplasc, Sicomai, Sinduscon, Sindialimentos, Simmex, Sicec e Simec. “As reuniões e palestras on-line atraem mais pessoas do que as presenciais, otimizam o tempo, são produtivas e reduzem os custos”, frisou o presidente do Simec, Adilson Campos.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

O presidente do Simovale, Ilseo Rafaeli, destacou a necessidade de as empresas estarem preparadas para momentos de dificuldades. “É fundamental ter um planejamento bem definido. Quem estava preparado está colhendo bons frutos agora, mesmo com a crise”. Os encontros virtuais também foram citados pelo presidente do Sinduscon, Luis Paludo. “Muitas empresas investiram em equipamentos e internet melhores, mas o que realmente aprendemos foi a disseminar informação”, complementou.

Na reunião, também foram abordadas ações promovidas pela Fiesc para auxílio às indústrias e para a retomada da economia. Neste ano, foram realizados seis encontros virtuais com participação dos executivos dos sindicatos para discutir temas relevantes para o associativismo e fortalecimento das indústrias. Schmitz informou que todos os sindicatos da regional participarão do Projeto Compliance Sindical, uma iniciativa da Federação para apoiar a implementação de boas práticas de gestão e governança corporativa. De acordo com coordenador de Desenvolvimento Associativo, Leonardo Costa, a adesão ao programa é voluntária e a Fiesc oferece capacitação.

Foi apresentada às empresas do oeste a nova plataforma de emissão de Certificado de Origem Digital (COD), lançada em maio pela Confederação Nacional da Indústria (CNI): http://www.internacionalizacao.fiesc.com.br/. O desenvolvimento desse sistema contou com a participação da equipe da Fiesc e tornou o processo mais prático, com mais integração, confiança, desburocratização e automatização. O escritório da Fiesc em Chapecó é um novo posto avançado para emissão e assinatura dos documentos.

As Câmaras Setoriais da Fiesc continuaram promovendo as reuniões, de forma virtual, oportunizando a participação dos empresários para discutir melhorias em cada segmento. A entidade também disponibiliza uma cartilha para a indústria se adequar à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) que pode ser acessada no site https://www.observatoriofiesc.com.br.

Outra iniciativa foi a segunda edição on-line do Programa Travessia SC que abordou temas sobre a reforma tributária, ambiente regulatório e infraestrutura, considerados aspectos-chave para avanços pós-pandemia. Mais informações podem ser acessadas no site http://fiesc.com.br/travessiasc.

A Fiesc desenvolveu uma plataforma que reúne dicas para se preparar para um novo emprego, além de disponibilizar recomendações sobre economia pessoal e equilíbrio emocional: a Liga pelo Trabalho (https://fiesc.com.br/ligapelotrabalho). A iniciativa integra ações previstas no novo ciclo do Movimento Santa Catarina pela Educação.

Além disso, a Federação continua com orientações sobre a identificação e o encaminhamento dos casos de covid-19, disponibilizando ferramentas para auxiliar os cuidados necessários nas empresas. O gerente executivo do Sesi/Senai/IEL regional oeste, Geferson Luiz dos Santos, informou que em outubro será inaugurado o laboratório de biologia molecular no Senai, em Chapecó, que fará testes RT-PCR para covid e, futuramente, atenderá a indústria de alimentos. “Os equipamentos estão chegando e 90% das instalações estão concluídas”, comentou o dirigente.

Waldemar Schmitz assinalou que a reunião foi importante para avaliar o momento atual, compartilhar experiências, discutir ações e alinhar estratégias para o aprimoramento dos sindicatos patronais e o fortalecimento das indústrias. “Os sindicatos e as indústrias têm a estrutura da Fiesc à disposição, com todas as áreas e entidades como Sesi, Senai e IEL, o Observatório da Indústria, as câmaras setoriais e toda uma equipe preparada para fornecer informações estratégicas para a tomada de decisões”, finalizou. (MB Comunicação).

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios