Blogs e Colunas

COLUNA EDER BOARO: A velha política está em voga

Há mais de vinte anos me considero um militante político. Embora não exerça cargo nem mandato eletivo, estou em constante envolvimento com alguns líderes partidários e, dentro das minhas possibilidades, apoio determinados grupos nos pleitos eleitorais. Porém, até para quem tem relativa experiência com as articulações e o jogo de bastidores da política, fica difícil algumas vezes compreender as estruturas que se criam para sustentar projetos. Essa semana, assistindo uma reportagem sobre a ação da Polícia Federal no gabinete da liderança do governo no Senado, percebi que a miscelânea da base aliada é capaz de confundir até quem acompanha há tempos o cotidiano das estruturas do poder.

Fernando Bezerra, líder do governo Bolsonaro no Senado Federal, é investigado pela polícia por supostas irregularidades na obra da transposição do rio São Francisco, no período em que era ministro da presidente Dilma Roussef. Aqui já embaralha a compreensão ao percebermos que um ex-ministro da gestão petista, tão criticada pelo atual chefe do Executivo federal, hoje é seu representante máximo na Velha Casa parlamentar. Dessa situação temos ainda a Polícia Federal adentrando na extensão do Palácio do Planalto no Congresso, numa demonstração positiva de que Sérgio Moro, Ministro da Justiça e responsável pela PF, não está disposto a participar de acordos para defender determinados investigados.
Aliás, cheira mal a manutenção do cargo de líder do governo desse Senador suspeito de cometer crime, o que nos remete a desconfiança de que sua permanência esteja vinculada ao desejo do pai, Jair Bolsonaro, na indicação de seu filho Eduardo à Embaixada dos EUA, fato que deve ser acatado pelo Senado, além da aprovação Nova Previdência, ainda aguardando votação na Casa. Para continuar a confusão dos que tentam entender a política atual, essa semana esse mesmo líder do governo votou, junto com a oposição, pela derrubada dos vetos do presidente ao projeto de abuso de autoridade, confrontando Sérgio Moro e o próprio Bolsonaro.
A verdade é que a chamada velha política nunca esteve tão atual, com articulações obscuras, votações atípicas e a mesma desconfiança que sempre carregamos sobre os bastidores em Brasília. Nossa esperança está na excelente equipe de ministros que, ao seu modo e limitação, está conseguindo recolocar o país nos trilhos, apesar das estruturas arcaicas de manutenção do estabelechiment, tão criticado outrora por quem hoje finge fechar os olhos…

Eder Boaro é instrutor Master Mind e
colunista político
Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios