Destaque

Projetos do Sebrae/SC em Quilombo vislumbram tendências de mercado

Apicultura, vitivinicultura e turismo são algumas áreas contempladas com projetos do Sebrae/SC no município de Quilombo, no oeste catarinense. Para apresentar os resultados obtidos com os projetos e abordar as características da região com expressiva agricultura familiar foi realizado encontro, nesta semana, com a presença de lideranças locais e de diretores do Sebrae/SC, no auditório da Associação Empresarial de Quilombo e Região (ACIQ).

O diretor técnico do Sebrae/SC, Luc Pinheiro, enalteceu a importância das iniciativas desenvolvidas em Quilombo, com o olhar voltado ao empreendedor e a valorizar os aprendizados obtidos com os antepassados. “Observa-se que a essência está no que sabem fazer e tem planejamento de futuro. A população almeja o crescimento do município e para isso busca novas possibilidades”, comentou.

“O que vimos foi a satisfação no semblante das pessoas de que o resulto aconteceu e o Sebrae/SC foi fundamental para isso. No município também temos a iniciativa privada acreditando no desenvolvimento local, aliado a isso o Sebrae/SC tem conhecimento técnico e a orientação necessária para que atingíssemos os resultados, ou seja, tornamos realidade o que era um sonho”, enfatizou o prefeito de Quilombo Silvano de Pariz.

As ações desenvolvidas no município contam com a parceria do poder público, do Conselho Municipal de Turismo, da Epagri e da Associação Empresarial de Quilombo e Região (ACIQ).

APICULTURA

Os apicultores do município de Quilombo recebem acompanhamento pelo programa de Consultoria Tecnológica do Sebrae (Sebraetec) com o objetivo de orientar sobre a utilização de técnicas de produção mais eficientes, melhorar a qualidade da atividade apícola, obter maiores índices de produtividade e, consequentemente, ampliar a renda e a lucratividade.

Entre os resultados alcançados destacam-se o aumento no número de colmeias povoadas e melhoramento no padrão técnico da atividade nos produtores; melhoramento na qualidade das colmeias e dos apiários; adequação dos processos produtivos às técnicas recomendadas para a atividade; aumento da produtividade; novas alternativas de comercialização do mel e melhor gerenciamento da atividade apícola na propriedade.

Conforme o presidente da Associação dos Apicultores e Meliponicultores de Quilombo, Julsemar Francisco Toazza, no município são produzidas de 30 a 40 toneladas de mel/ano pelos 40 associados. “A entidade possui sede própria, funcionários e faz a divulgação de periódicos técnicos. Essas conquistas só foram possíveis em função das parcerias e dos apoios que recebemos, a exemplo do Sebrae/SC”, observou.

VITIVINICULTURA

Em Quilombo, as ações do Sebrae/SC nesse segmento resultaram no  melhoramento da qualidade do vinho; redução de perdas de vinho devido a contaminação; aumento na produtividade de uvas no vinhedo; ampliação da produção de vinhos nas propriedades; economia com a compra em grupo de produtos enológicos, embalagens e demais suprimentos para a produção. Outra conquista foi a adequação da produção de acordo com as normas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), possibilitando assim a comercialização do produto.

Segundo o agrônomo, Edson Savoldi, no município há 23 hectares de videiras. “Desde o início do projeto plantamos mais de 160 mil metros quadrados de novos vinhedos, com a readequação total das vinícolas e investimentos que ultrapassam R$ 1 milhão”, enfatizou. Isso resultou no crescimento das mudas que em 2013 eram 20,4 mil e passaram para 52 mil em 2020; na expansão da produção de vinhos que era de 71,4 mil litros e passou para 112 mil litros por ano; e na colheita da fruta que era de 20,4 mil toneladas e passou para 360 mil toneladas anualmente, nas variedades Niagra, Bordô e Isabel.

TURISMO

Turismo rural, agroturismo, ecoturismo, turismo termal, turismo de saúde e bem-estar, turismo de negócios e eventos, turismo histórico cultural, turismo científico e turismo industrial representam a diversidade de oferta desse setor na região oeste do Estado.

Em Quilombo, as ações na área do turismo, com auxílio do Sebrae/SC, iniciaram em 2017 e estão voltadas ao fortalecimento turístico. Um dos destaques é a rota “Encantos Rurais de Quilombo”, premiada nacionalmente como um dos melhores projetos de turismo rural. “Essa é uma das oportunidades locais que conta com um interior maravilhoso, com belezas naturais e cenários propícios para encantar os visitantes. Porém, empreender no turismo representa um grande desafio. Os resultados obtidos até o momento refletem o comprometimento dos moradores no projeto”, relatou a consultora credenciada ao Sebrae/SC Silvia Nowalski.

Os atrativos da rota compreendem café da manha na Linha Pinhal; visitas à Casa do Mel, a Vinícola Busnello, ao Salto Saudades e a Cachaçaria D. Nelva; e almoço na Fazenda Barbosa ou no Sítio Favaretto. “Ao todo são oito propriedades participantes, de famílias que amam a hospitalidade e acolhem bem os turistas”, afirmou a presidente do Conselho Municipal de Turismo (Comtur), Cleusa Favaretto Malinetti ao relatar que era empresária e resolveu retornar ao campo e agora a filha que estudava em Florianópolis também regressou para auxiliar no projeto.

A empresária Nelva Dal Sasso resolveu preservar os saberes familiares na produção de bebidas alcóolicas. Inicialmente produzia cachaça, graspa e alguns sabores de licores. Com o projeto direcionou suas ações, está legalizando o processo produtivo junto ao MAPA e ampliou a gama de produtos com a inserção do uísque e campari.

Os resultados obtidos no município são expressivos tanto no fluxo de turistas quanto na comercialização dos produtos da agricultura familiar e no estabelecimento de novas parcerias para geração de negócios. “Toda essa mobilização em prol do turismo instigou o empreendedorismo local, como por exemplo, o turismo de aventura, a Cervejaria Enderle e o turismo termal que investirá mais de R$ 5 milhões em obras de infraestrutura turística”, comentou Silvia.

Ainda entre os atrativos locais estão o projeto “Salto Saudades”, que são sete cascatas do Rio Chapecó e compreenderá passarelas, mirantes, centro comercial, restaurante e estacionamento; o projeto “Degusta Quilombo” voltado à qualificação do atendimento nos restaurantes, melhoria do cardápio e diversidade de oferta; e o projeto da Igreja Católica para adequação do espaço para receber os turistas. (Fonte MB Comunicação/Sebrae Oeste).

Receba Notícias no seu WhatasApp?
Clique no link:  https://chat.whatsapp.com/IqM6dk1CKP9BPRhRZlDv3E 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios