Destaque

Guardas Municipais recebem Carteira de Porte de Arma

A Administração Municipal, por meio da Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade, realizou nesta segunda (20), a entrega da Carteira Funcional de porte de arma para 27 profissionais que fazem parte da segunda turma da Guarda Municipal. A conquista só foi possível a partir de um convênio assinado em 2017 entre a Polícia Federal e a Prefeitura.

Agora os profissionais estão aptos legalmente para fazer uso do armamento. Eles já foram capacitados e passam a utilizar no dia-a-dia armas calibre 380 e 12 – espingarda. Segundo a Secretária de Defesa do Cidadão e Mobilidade, Luciane Stobe, “além de ser um instrumento de proteção pessoal, a carteira dos Guardas trará mais sensação de segurança. O porte de arma inibe ações em locais onde os agentes estão presentes”, explica Stobe.

Para o Comandante da Guarda Municipal, Junior Assis Strello, o porte de arma qualifica o trabalho dos agentes e visa garantir mais segurança à comunidade de Chapecó. “Essa é uma conquista muito importante pois a partir de agora estes 27

Guardas estarão preparados para oferecer mais segurança para a comunidade, mas também para o próprio agente que está em serviço”, reforça Strello.

A concessão do porte de arma para a Guarda Municipal, por parte da Polícia Federal, depende de vários requisitos. O primeiro passo foi a realização de um convênio entre as partes, seguido de testes de aptidão psicológica, técnica, análise de conduta e também o treinamento específico para uso destas armas. Hoje os profissionais de Chapecó atendem a todos os requisitos e possuem agora a carteira funcional com validade por dez anos. Além disso, as capacitações permanecem, ocorrendo de forma anual com aproximadamente 80 horas de curso no intuito de aperfeiçoar e manter o porte de arma.

Receba Notícias no seu WhatasApp?
Clique no link:  https://chat.whatsapp.com/IqM6dk1CKP9BPRhRZlDv3E 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios