Destaque

Vocalista do Grupo Manotaço precisa de ajuda para fazer cirurgia do coração

O vocalista do Grupo Manotaço, Paulo Fogaça, precisa de ajuda para custear uma cirurgia no coração. Em exames recentes o músico tradicionalista teve o diagnóstico de válvula aórtica bicúspide e dupla lesão valvar aórtica com predomínio de estenose – uma má formação das válvulas do coração que requer procedimento cirúrgico o mais breve possível para substituição das mesmas.

⬇️Quer ficar BEM INFORMADO?⏬
👉 Clique abaixo e receba NOTÍCIAS EM SEU WHATSAPP

👉🏿Acesse nosso grupo de NEGÓCIOS/CLASSIFICADOS💰

Conforme comunicado dos familiares, ele está bem, porém o quadro é de urgência e a cirurgia é delicada. Através do Sistema Único de Saúde (SUS), a cirurgia leva em média 5 meses e depende da disponibilidade do material, o que é incerto.

Para ajudar a salvar vida do cantor, a família criou uma vakinha on-line para acelerar este processo e realizar a cirurgia na rede privada o mais rápido possível.

Doações também podem ser feitas pelo PIX através da chave: 3637188@vakinha.com.br

A família deixou a seguinte mensagem junto à vakinha: “Agradecemos a todos de coração, pois é ele que nos move, mais ainda neste momento. Fé e força, e que Deus abençoe a todos nós!”

No último dia 1° de abril o Grupo Manotaço se apresentou, na Expo Arabutã onde contagiou o público que foi ao evento em frente ao SERC 25 de Julho no espaço montado para receber os shows da festividade e Paulo Fogaça passeou pela feira e foi entrevistado pela rádio feira pelo comunicador Alison Martins e posou com para fotos ao lado da prefeita Leani Kapp Schmidt.

Na ocasião, o cantor aproveitou para relembrar o grande sucesso ‘Castelhana’, eternizado na sua voz com o ‘Grupo Os Nativos’.

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios