Blogs e ColunasPolítica

RETICÊNCIAS: “O vírus inteligente”

Eder Boaro é instrutor Master Mind e colunista político

Conforme o tempo vai passando, mais descobertas são feitas a respeito da Covid-19. Já sabemos que a vitamina D, que nos é oferecida pela exposição ao sol, por vinte minutos, preferencialmente em horário das 10h às 14h, diminui significativamente os sintomas do vírus, conforme estudos alemães dos médicos Dr. Bernd Glauner e Lorenz Borsche, em um experimento com 780 pacientes, publicado essa semana. Ainda, descobrimos que a hidróxicloroquina, aliada a azitromicina, teve um efeito de melhora nos infectados pelo novo Coronavírus, quando em estágio inicial da doença, após um estudo da Henry Ford Health System, instituição americana que aplicou o teste com 2.451 pacientes. Nesse estudo, atestou-se, ainda, que, dentre os cardíacos, não houve anormalidades provocadas pelo medicamento. Temos, também, a ivermectina que já está sendo administrada em alguns municípios e tem trazido bons resultados no combate ao vírus chinês.

Porém, o que mais me impactou foi desvendar a inteligência desenvolvida pela Covid-19 nos últimos meses, após ela compreender como os governadores e prefeitos nos tratavam com o famigerado “fique em casa”. O novo Coronavírus entendeu rapidamente que ele não pode atacar as pessoas nos transportes públicos, que tiveram seus horários reduzidos, porém, se você estiver de carro, certamente será uma vítima da doença.

Eu fico pensando, ainda como esse ser microscópico consegue compreender que seu período de atuação tem que ser após os horários estabelecidos pelos gestores e, num gesto até infantil, mas criativo, me pego imaginando o Corona, com seu corpinho espinhado, a postos para atacar assim que o badalo do relógio lhe permitir. Vejo-o, em minha mente, frustrado dentro de supermercados, por ser impedido de contaminar os clientes, aguardando a abertura das lojas chamadas não essenciais, para poder cometer o crime do contágio.

Decepcionado, o “coroninha” passa pelas filas de bancos e lotéricas, sedento por contaminação, mas, como lhe foi negado pelos governadores, ele está à espera de suas vítimas nas igrejas e templos religiosos.

Nas ruas, o Novo Coronavírus sabe respeitar até o viés ideológico da população, afinal, quando vê pessoas aglomeradas, mas vestidas de antifas, ele compreende que não as pode contaminar. Nesses casos, ele se desloca para outro setor, o de verde e amarelo, e contagia a todos que ousam desafiá-lo, haja vista que sua inteligência está em consonância com os desejos dos nobres governadores, prefeitos e da grande imprensa…

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região pelo WhatsApp!

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios