Blogs e ColunasPolítica

RETICÊNCIAS: O achismo do caos!

Opinião – Eder Boaro, instrutor Master Mind e colunista político

Desde que iniciou a pandemia, temos recebido orientações das autoridades de saúde e algumas, pelo desconhecido, acabaram sendo revogadas. Mas o que me causa estranheza é o porquê das decisões que são adotadas sempre defenderem o caos e o pânico, ao invés de levarem esperanças à população.

Sabemos que ainda não existe comprovação científica de cura com o uso da hidróxicloroquina, porém, as evidências dos que a utilizaram são peças importantes para consolidar sua distribuição com receituário médico à população, que deve ter o direito de ser tratada dessa forma, caso assim entenda. Em uma guerra, não se espera a chegada do canhão para se defender do inimigo e, se necessário, uma pequena carabina poderá salvar sua vida. Nessa guerra contra à Covid-19, diante das incertezas que vivemos, utilizar medicamentos que sempre foram vendidos sem a necessidade de receita médica pode ser a tábua de salvação de muitos que ainda se contaminarão com o vírus chinês.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Ainda temos o distanciamento social, com lockdowns eternos, que tem se demonstrado um crime contra a dignidade das pessoas. Idosos proibidos de tomarem sol, pais privados de trabalharem para levar o sustento para suas casas e crianças com o ano letivo comprometido é a face de uma sociedade comandada por gestores incompetentes e covardes.

As experiências com o isolamento tem sido a comprovação de que aprisionar as pessoas não diminui a circulação do vírus, como vemos em São Paulo, que fechou o comercio há mais de noventa dias e seguiu com a mesma elevação de contaminação. Além disso, pudemos ver na Suécia, que não fechou as escolas em nenhum momento, os mesmos índices de contaminação entre crianças que a Finlândia, que decretou quarentena e lockdown, indício que estamos prejudicando o aprendizado infantil por incapacidade de enfrentar o vírus. Essa semana, para pôr ainda mais dúvidas quanto às ações das nossas autoridades, a Ministra de Assistência Médica da Holanda, Tamara Van Ark, afirmou que o uso de máscaras para evitar a contaminação não tem comprovação científica e pode até trazer prejuízos no combate ao novo Corona, permitindo que a população opte pelo uso do EPI.

E, assim, diante do desconhecido, vamos aprendendo a conviver com as posições autoritárias de gestores públicos, ao mesmo tempo em que vemos, uma a uma, as teses apocalípticas sendo derrubadas por resultados positivos. O que me preocupa é saber até quando teremos condições de suportar o achismo que gera o caos e a miséria em nome de uma pseudo segurança sanitária…

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios