Blogs e ColunasPolítica

RETICÊNCIAS: Entre pragas e gafanhotos

Essa semana uma nuvem de gafanhotos atingiu a Argentina. Os insetos, capazes de destruir milhares de hectares de lavouras, atormentam, ainda mais, o país vizinho, que sofre há anos com outra praga mais devastadora, o peronismo. A volta de Cristina Kirchner ao poder, agora como vice-presidente do “poste”, Alberto Fernandez, pode ser o passaporte definitivo rumo ao bolivarianismo venezuelano, em uma nação que outrora foi uma das mais poderosas economicamente e uma referência cultural no mundo.

Após projeto de estatização da maior empresa do setor agrícola no país, o povo foi às ruas em protestos contra o controle demasiado do Estado, porém, as medidas dos socialistas tendem a ser mais duras e transformar o nosso outrora rico co-irmão, em uma pátria moribunda, vítima do marxismo que dissemina a fome por onde vigora.

No Brasil, por enquanto sem gafanhotos, as verdadeiras pragas já tomaram conta há muitos anos e custam aceitar a derrota nas urnas em 2018. Bem vestidos em seus ternos importados, alguns utilizam de suas posições no Congresso Nacional para atrasar qualquer possibilidade de quebra do sistema que tanto os beneficia. Quando não conseguem obstruir a pauta ou desidratar as reformas que credenciariam ainda mais o país perante os investidores, buscam ajuda das outras pestes, que se alimentam de lagostas, para destilar o veneno da inconstitucionalidade e do autoritarismo, sob o pretexto de defesa das instituições democráticas. Assim, perseguem adversários, com prisões arbitrárias que contradizem as próprias teses pregressas, promovem solturas questionáveis de honoráveis bandidos e geram uma insegurança jurídica que nos faz desconfiar que a única Constituição Federal a que eles tinham acesso foi entregue ao presidente Bolsonaro no dia de sua posse.

Esses déspotas, contam ainda com outros parasitas que se utilizam de mídias poderosas para atacar seus adversários com mentiras e ilações, na ânsia de contarem novamente com as verbas vultosas que o estabelechiment lhe proporcionou por anos e que foram cortadas por Jair Messias.

Ah! Quanto aos gafanhotos que invadiram a Argentina, especialistas dizem que eles tendem a vir para o Brasil, porém, tenho certeza que seu impacto, apesar de danoso para a agricultura, será muito menor que os causados pelas verdadeiras pragas que usurparam por décadas a nossa Nação…

EDER BOARO é instrutor Master Mind e colunista político

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios