Destaque

Programa Novos Caminhos realiza cerimônia de encerramento

Acolher é um ato de responsabilidade e empatia. Assim é o programa Novos Caminhos que realizará, nesta quarta (29), às 17h30, a cerimônia de encerramento e certificação dos jovens atendidos pela iniciativa. Entre as autoridades estará o vice-coordenador da Coordenadoria Estadual da Infância e da Juventude (CEIJ), desembargador Sérgio Izidoro Heil de Florianópolis. O evento será no auditório do SENAI Chapecó, Rua Frei Bruno, 201e, Parque das Palmeiras.

?Quer ficar BEM INFORMADO?⏬
Clique abaixo e receba NOTÍCIAS EM SEU WHATSAPP
??Acesse nosso grupo de NEGÓCIOS/CLASSIFICADOS?

Para o vice-presidente regional oeste da FIESC, Waldemar Schmitz, o programa entrega autonomia e autoconfiança, fundamentais para a construção de uma vida adulta e oportunidade de adquirirem as habilidades e competências necessárias para ingressar no mercado de trabalho com melhores condições. “Tanto os atendimentos, oficinas e a qualificação profissional colaboram para reduzir a vulnerabilidade social dos jovens, pois proporcionam novas oportunidades.”

Em 2023, 474 jovens foram qualificados por meio dos parceiros do programa em todo o Estado. As 12 regiões realizam eventos para certificar alunos, além de homenagear voluntários e as empresas que abrem as portas para estes jovens. Este ano, a iniciativa, que surgiu de uma parceria inicial da Federação das Indústrias (FIESC), do Tribunal de Justiça (TJSC) e da Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC), foi nacionalizada por iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e já se organiza em outras unidades da Federação, como no estado do Amazonas e do Pará.

Desde o início do programa, 13,5 mil matrículas foram realizadas em cursos de educação básica e profissional, além de 1.191 contratos de emprego ou estágio, proporcionados por 519 empresas. Além de qualificação, a iniciativa oferece atendimento odontológico, apoio psicológico e voluntários atuam nas mais diversas frentes para dar suporte aos 221 serviços de acolhimento do Estado.

Acolhimento

Em janeiro de 2013 a assistência social forense do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJSC) constatou que cerca de 500 (quinhentos) adolescentes estavam prestes a completar 18 (dezoito) anos e ao deixar as casas de acolhimento do Estado, sem a qualificação profissional necessária para uma vida adulta autônoma e digna. A preocupação foi levada para a presidência da Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC), que propôs uma parceria com a Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC).

Parcerias

Além do TJSC, da FIESC (por meio do SESI, do SENAI e do IEL) e da AMC, integram o programa a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC), o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio), a Associação Catarinense de Medicina, a Fundação de Estudos Superiores de Administração e Gerência (FESAG), a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (FAESC), por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) – Administração Regional de Santa Catarina, o Centro de Integração Empresa-Escola do Estado de Santa Catarina (CIEE/SC) e o Serviço Social do Comércio – SESC/Fecomércio.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios