Destaque

Política Habitacional de Chapecó é destaque em Congresso Nacional

A Política Habitacional do Município de Chapecó foi apresentada no 16º Congresso Brasileiro de Assistentes Sociais – CBAS, realizado em Brasília/DF, neste mês. O evento teve como ênfase os empreendimentos do Programa Minha Casa Minha Vida.

Chapecó foi representada pela Diretora de Habitação da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Tatiane Cristine Bodigheimer, e pelas Assistentes Sociais, Aline Fátima do Nascimento Magro e Fernanda Bottin, as quais apresentaram o artigo: “O Trabalho do Assistente Social na Política Habitacional – Relato do Trabalho Técnico Social desenvolvido com os beneficiários do Residencial Quatro Estações, do Programa Minha Casa Minha Vida, no município de Chapecó/SC”.

A participação no Congresso oportunizou levar a experiência de Chapecó para todo o Brasil, já que é considerada uma referência positiva, e que pode servir de exemplo para empreendimentos de outros municípios. Segundo a Diretora Tatiane Bodigheimer, foram dias intensos de reflexões e debates, com a oportunidade de apresentar a experiência do município de Chapecó na política habitacional. “A apresentação propiciou a troca de experiências com profissionais da área, divulgando o trabalho realizado aqui, reconhecido como uma referência positiva de intervenção social”, destacou. 

Em Brasília, as servidoras também participaram de audiência com a analista e o coordenador do Ministério do Desenvolvimento Regional, a fim de obter informações sobre os rumos da política habitacional em nível federal. “Buscamos informações sobre os últimos financiamentos públicos para contratação de novos empreendimentos e para assistência técnica gratuita na habitação de interesse social”, concluiu Tatiane. 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios