Polícia

Polícia Civil prende foragido em Chapecó

As Divisões de Investigação Criminal – DICs da Polícia Civil de Chapecó e Xanxerê trabalharam em conjunto ao longo da semana com o intuito de localizar e capturar um indivíduo foragido da justiça catarinense.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

O cidadão de 32 anos de idade, natural de Xanxerê, estava sendo investigado pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas desde o ano de 2018. Ele foi localizado nesta cidade de Chapecó no final da tarde desta sexta (29).

Após monitoramentos realizados pela equipe de investigação, os policiais confirmaram sua presença em um apartamento no bairro Jardim América, onde ele estava se escondendo com auxílio de familiares e terceiros. No local, já em via pública, foi possível realizar com sucesso a captura do indivíduo.

Não houve resistência por parte do homem, que foi encontrado na posse de mais de treze mil reais em espécie, cuja origem ainda não foi devidamente esclarecida, sendo possível seja proveniente de práticas ilícitas, bem como de um documento de identificação falsificado.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios