DestaquePolítica

Pesquisa: 56% discordam de decisão do STF que soltou ex-presidente Lula

O instituto Realtime Big Data divulgou nesta sábado (9) pesquisa encomendada pela TV Record na qual perguntou aos brasileiros suas opiniões sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) contra a prisão após a segunda instância e sobre a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

De acordo com o levantamento, 56% se mostraram contra a mudança de interpretação sobre em que momento os réus do país podem ser presos. E 50% foram contra a liberdade do petista.

A pesquisa entrevistou 1.200 pessoas entre sexta-feira (8) e este sábado (9). A margem de erro é de 4% e o nível de confiança é de 95%.

Na quinta (7), o STF mudou a interpretação jurídica sobre o momento em que os réus do país podem ser presos. O plenário do tribunal, por 6 votos a 5, decidiu que só começam a cumprir pena os condenados que não tiverem mais direito a qualquer tipo de recurso. Em 2016, o próprio Supremo havia autorizado a execução penal após a condenação em segunda instância. (Fonte R7).

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios