GeralInternacional

Ocupantes de avião que desapareceu na Sibéria são achados vivos

As equipes de resgate encontraram com vida as 18 pessoas a bordo de um avião AN-28 que desapareceu horas antes dos radares na Sibéria e depois foi localizado após um pouso de emergência, anunciou nesta sexta (16) a Rosaviatsia, a agência russa de aviação.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

“Os 15 passageiros e três tripulantes foram encontrados. Todas as pessoas que estavam a bordo estão vivas”, disse Rosaviatsia em um comunicado enviado à AFP, destacando que os sobreviventes foram transportados para a cidade de Tomsk.

O avião, operado pela companhia “Aviação Expressa Siberiana” (Sila), fazia o voo entre a pequena cidade de Kedrovy com Tomsk quando “parou de se comunicar” por volta das 17 locais (7h em Brasília), afirmaram as autoridades regionais em um comunicado.

Imediatamente, diversos helicópteros MI-8 foram enviados para tentar localizar o AN-28. Quase duas horas depois de acionado o alerta, a aeronave foi localizada, “muito danificada”, segundo a agência Interfax.

“Todos os passageiros e membros da tripulação estão vivos”, disse um porta-voz da Sila à Interfax. O vídeo abaixo mostra o local onde o avião foi encontrado.

 

Citando fontes da aviação, a agência estatal TASS informou que o avião estava com a manutenção em dia, mas um responsável pela Sila disse que o voo saiu com mais de dez horas de atraso por conta das más condições meteorológicas.

O acidente aconteceu pouco mais de uma semana depois de outro que aconteceu com um avião Antonov. No último dia 6, um AN-26 caiu durante uma tentativa de aterrissagem na península de Kamchatka, no leste da Rússia, causando a morte das 28 pessoas que estavam a bordo.

Fabricados principalmente no período soviético, os Antonov seguem sendo utilizados em países da antiga URSS na aviação civil e militar e estiveram envolvidos em diversos acidentes fatais nos últimos anos. Do R7

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios