DestaqueEsportes

Novo presidente da Chapecoense visita o prefeito João Rodrigues

O novo presidente da Chapecoense, Gilson Sbeghen, fez uma visita oficial ao prefeito de Chapecó, João Rodrigues, na manhã desta segunda (11). De acordo com o vice-presidente da Marketing e Patrimônio do Clube, Pablo Dávi, que acompanhou a visita, o objetivo foi apresentar Sbeghen, que assumiu o cargo no lugar do ex-presidente Paulo Magro, que faleceu no final do ano passado, vítima do Covid-19.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

O novo comandante do clube falou de seus planos e também pediu apoio do prefeito na busca de novos patrocinadores. O clube está prestes a confirmar o acesso para a Série A. A confirmação podem ocorrer nesta terça-feira, às 21h30, diante do Figueirense, na Arena Condá. A Chapecoense tem 63 pontos, com vantagem de 11 pontos em relação ao quinto colocado, o Juventude, que tem 52. Faltam cinco rodadas para o término da Série B.
O prefeito João Rodrigues disse que os R$ 15 milhões que liberou como deputado federal, para melhorias e museu da Chapecoense, deveriam ter sido utilizados para construir a nova Ala Oeste. Mas, como os recursos foram para outras melhorias, como iluminação, ele fará a obra.

“Eu vou licitar o projeto para fazer a nova ala, que será um prédio público, abrigando serviços da prefeitura de um lado e arquibancada do outro. Com isso vamos aumentar a capacidade do estádio e economizar R$ 100 mil em aluguéis. Também podem contar comigo para ajudar na busca de patrocínios”, disse o prefeito. Inclusive ele já conseguiu um patrocinador de uma rede de eletrodomésticos. Comunicação Prefeitura

 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios