Destaque

Novo ambulatório do bairro Efapi tem melhor estrutura para atendimento

Menos calor, mais espaço e melhor ambiente para atendimento dos pacientes e também para os profissionais que atuam no Ambulatório de Campanha do bairro Efapi. Além de menor custo para os cofres do município. Por isso a administração municipal resolveu desativar a estrutura de lona que funcionava junto ao Pronto Atendimento do maior bairro de Chapecó e passar a atender os pacientes com sintomas de doenças respiratórias no salão comunitário do Loteamento Colatto.

O atendimento em novo endereço iniciou às 19h desta sexta-feira. São quatro consultórios, sala de observação, sala de emergência e farmácia, além de um amplo espaço de espera, onde os pacientes ficam com o distanciamento recomendado. E sem desnível, como na antiga estrutura.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

“Não tem nem comparação, aqui é muito melhor. Lá fazia muito calor, desde as 9h da manhã. O espaço também é amplo e ficou bem mais organizado e confortável”, disse a auxiliar de enfermagem, Debora Santos de Almeida.
No final da tarde desta sexta-feira o prefeito João Rodrigues, o secretário de Saúde Luiz Carlos Balsan e o diretor técnico da secretaria, João Lenz, acompanharam o início dos trabalhos no novo ambiente.

“Aqui podemos dar um atendimento mais humanizado. Precisamos cuidar bem do cidadão. Agradeço também a associação dos moradores do Loteamento Colatto, que nos alugaram o salão por cerca de 60 dias, por R$ 7 mil a R$ 8 mil. Com R$ 12 mil dos equipamentos alugados vamos gastar R$ 15 mil por mês, contra R$ 35 mil da estrutura antiga”, disse o prefeito João Rodrigues.

A nova estrutura é pelo menos 50% maior do que a anterior. O atendimento é 24h e diariamente cerca de 130 pessoas devem passar pelo local.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios