Nova acusação aponta indício de caixa 2 de ministro do Turismo

FOTO: Marcos Corrêa/PR

Mais indícios de caixa 2 em campanha do PSL mineiro. Angelo Giardini de Oliveira, procurador-regional Eleitoral de Minas Gerais, instaurou nesta quinta (7), investigação para apurar indícios de caixa dois na campanha do PSL-MG. Na época, quem comandou a campanha foi o pesselista Marcelo Álvaro Antônio, que é ministro do Turismo do atual governo.

A investigação tem como um dos pressupostos a não declaração pelo partido da confecção de cerca de 25 mil santinhos da candidata Zuleide Oliveira.

O procurador cita a reportagem da Folha de São Paulo, baseando a investigação na acusação de que Marcelo Antônio teria convidado a candidata a ser laranja na eleição, com pedido de devolução de verba pública do partido.

Em primeiro lugar, que a prestação de contas dela foi apresentada, apesar de ela ter afirmado à Folha não ter encaminhado os dados ao partido, o que, escreve Angelo Giardini, levanta “dúvidas quanto à autoria das informações declaradas”.

Além disso, ele aponta que “não foram declarados à Justiça Eleitoral os santinhos mostrados na reportagem”.

Zuleide guarda em sua casa pacote com cerca de 25 mil folhetos de propaganda eleitoral dela ao lado de Álvaro Antonio, que ela afirma ter recebido do partido.

O caixa dois eleitoral ocorre quanto candidatos ou partidos fazem gastos na campanha sem informar à Justiça Eleitoral. A prática, atualmente, é enquadrada no artigo 350 do Código Eleitoral (omitir, em documento público ou particular, declaração que dele devia constar, ou nele inserir ou fazer inserir declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, para fins eleitorais), com pena de até cinco anos de prisão.

Angelo Giardini pediu ainda ao TRE que suspenda a análise das contas da candidata e determinou o envio de ofício para que Zuleide preste depoimento e apresente os santinhos que têm em seu poder.

A Polícia Federal, que já investiga as suspeitas de candidaturas-laranjas no PSL de Minas, também vai ouvir Zuleide Oliveira nos próximos dias. (Fonte Notícias ao Minuto).