Polícia

Médica é assassinada pelo marido em SC

A médica Lúcia Regina Gomes Mattos Schultz, 59 anos, foi morta na tarde de sexta (20), no Centro de Itapema. O marido dela, Nelson Pretzel, 65, confessou a autoria, segundo a Polícia Militar. O crime ocorreu dentro de casa, durante o período de quarentena decretado pelo governo do Estado, cujo objetivo é evitar o contágio por coronavírus.

A guarnição foi chamada por vizinhos por volta das 17h30 e precisou arrombar a porta do apartamento do casal para localizar a vítima. O homem já havia deixado o imóvel, mas foi preso ao retornar para pegar a carteira.

A principal suspeita é de que ela tenha sido morta por esganadura. Entretanto, o laudo do IGP (Instituto Geral de Perícias) ainda não foi finalizado. O Sindicato dos Médicos de Santa Catarina emitiu nota lamentando a morte da pediatra.

O homem não tinha passagens policiais, conforme levantamento da Polícia Militar. Ele contou à PM que agrediu a esposa durante uma discussão em que ela teria desferido um tapa no rosto dele.

O inquérito foi finalizado pela Polícia Civil e o homem vai responder por feminicídio. A prisão em flagrante foi convertida em prisão preventiva pelo Poder Judiciário. (Fonte ND+).

Receba Notícias no seu WhatasApp?
Clique no link:  https://chat.whatsapp.com/LghOsEwYAqyI6U64hKIOjs

 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios