GeralInternacional

Jovem vende órgão para comprar iPhone e tem fim trágico

A vontade de ter um “celular do momento” pode levar muita gente a ficar com dívidas e nome sujo na praça. O chinês Wang Shangkun, de 29 anos, no entanto, elevou esse desejo e decidiu se submeter a uma cirurgia em uma clínica clandestina para vender um rim e, desta forma, conseguir dinheiro para comprar um iPhone. A ideia, porém, o levou para um fim inesperado e cheio de consequências.

✅ Quer receber informações no seu celular: Clique AQUI e receba NOTÍCIAS EM SEU WHATSAPP

O rapaz revelou em entrevista ao jornal britânico The Mirror que passou pelo procedimento em 2011, mas que sofre com muitos efeitos colaterais. Acamado, depende de hemodiálise, uma vez que desenvolveu uma deficiência renal do outro rim após o procedimento. Como senão bastasse, também teria contraído uma infecção na clínica onde realizou a remoção do rim e por falta de cuidados no pós-operatório.

Na época que tomou a decisão, há 14 anos, o chinês vendeu o órgão por cerca de R$ 11,8 mil. Com o dinheiro em mãos, comprou não somente um iPhone, como também um iPad.

Apesar de ser um caso antigo, a história de Shangkun voltou a viralizar na web após o lançamento de novos produtos da marca.

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios