Polícia

Identificados estelionatários que causaram prejuízos superior a R$ 93 mil

A Polícia Civil de São João do Oeste (SC) instaurou Inquérito Policial para apurar a autoria do crime de estelionato praticado contra a lotérica do município, em maio deste ano.

Com apoio do Centro Integrado de Operações de Fronteira (CIOF) do Ministério da Justiça e Segurança Pública, da Polícia Rodoviária Federal, bem como de Policiais Civis dos Estados de Pernambuco, Goiás e da Bahia, até o momento já foram identificados pelo menos dois homens responsáveis pelo crime, os quais atuaram de diversas cidades do estado de Pernambuco.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Mesmo diante da complexidade e dificuldade da investigação, por meio de Medidas Judiciais devidamente autorizadas, após parecer favorável do Ministério Público da comarca, foi possível demonstrar a participação dos dois homens, um dos quais já praticou a mesma forma de crime nos estados da Bahia e Goiás, causando elevados prejuízos também a outras lotéricas.

Durante as investigações a Polícia Civil representou pela prisão cautelar dos homens, bem como pelo bloqueio de bens, medidas que foram deferidas pelo Poder Judiciário. Entretanto as Ordens ainda não foram cumpridas em razão dos autores se utilizarem de diversas residências/apartamentos/e veículos, ficando pouco tempo em cada local justamente para dificultar a localização.

O Inquérito Policial foi concluído e os homens permanecem foragidos, sendo que novas diligências podem ser realizadas pela Polícia Civil no intuito de identificar outros partícipes ou beneficiários do crime.

A Polícia Civil esclarece que mesmo diante do atual cenário de pandemia decorrente do Novo Coronavírus, com a vigência das medidas de isolamento social decretadas, continua realizando ininterruptamente suas atribuições constitucionais de apuração das infrações penais.

“Colabore com a Polícia Civil. Denuncie. Disque 181. Não é necessária a identificação”.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios