DestaqueSaúde

Governador anuncia R$ 44 milhões para reativação de 205 leitos de UTI em SC

O enfrentamento à Covid-19 foi retomado com prioridade pelo governador Carlos Moisés, na tarde deste sábado (28). Em webconferência com presidentes de associações e diretores de hospitais filantrópicos, o chefe do Executivo estadual garantiu o repasse de R$ 44 milhões, até 31 de dezembro deste ano, para a reativação imediata de 205 leitos de UTI para tratamento da doença. Além disso, anunciou a prorrogação da Política Hospitalar Catarinense (PHC) – em teto máximo – por mais 10 meses.

“O Estado vai prorrogar a Política Hospitalar Catarinense, garantindo o recurso para o pagamento das despesas com a ativação desses leitos de UTI. Vamos reunir esforços para assegurar o que conseguimos até aqui: que nenhum paciente fique sem atendimento. O momento é de nos unirmos novamente para enfrentarmos o atual e grave momento da pandemia no estado”, frisou o governador.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Carlos Moisés também destacou a parceria com a rede de hospitais filantrópicos na gestão da crise sanitária até agora. “Nós conhecemos o trabalho que cada hospital realiza e o modelo adotado foi fundamental para os bons resultados alcançados em Santa Catarina”, pontuou.

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, explicou que os leitos haviam sido ativados no início da pandemia e foram desligados, gradativamente, de acordo com a diminuição no número de casos.

“São leitos que estão prontos para serem utilizados novamente. É fundamental que eles estejam ativos para que possam ser habilitados. Paralelamente, estamos trabalhando na habilitação de novos leitos”, informou o secretário. Motta Ribeiro também destacou que o cronograma de pagamentos será rigorosamente planejado e informado aos gestores hospitalares.

“O trabalho realizado até aqui foi de muito esforço e dedicação. Mesmo com dificuldades de toda ordem, estamos cumprindo com nossa missão de proteger a vida e é muito importante poder contar com o apoio do Governo do Estado neste momento”, disse a presidente da Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas do Estado de Santa Catarina (FEHOSC), Irmã Neusa Luiz.

Quem também acompanhou a reunião, por webconferência, foi o deputado José Milton Scheffer. Em sua fala, o parlamentar cumprimentou o governador por retomar o trabalho em parceria com a rede de hospitais filantrópicos para o enfrentamento da Covid-19.

A medida de prorrogação da PHC e reativação dos leitos atende a uma das frentes de trabalho no enfrentamento dessa nova fase da doença em Santa Catarina, que é o suporte à oferta de serviços de saúde nos hospitais. A segunda frente, conforme o governador, é o controle social, reduzindo a exposição das pessoas ao vírus.

As ações neste plano de atuação foram debatidas com os municípios em uma segunda parte da reunião, dessa vez com a Fecam.

Trabalho em parceria com municípios

Depois da reunião com representantes dos hospitais, o governador Carlos Moisés se reuniu, via webconferência, com o presidente da Fecam, Paulo Weiss, prefeitos e secretários de saúde. A eles, o governador Carlos Moisés apresentou as medidas adotadas na área da Saúde e reforçou a importância do trabalho alinhado com os municípios para conter os índices de contaminação em todas as regiões.

O governador reforçou que as ações de controle social serão definidas em conjunto entre Estado e municípios, com a participação de demais órgãos e Poderes. Neste primeiro momento, estão sendo debatidos o reforço na fiscalização e medidas de prevenção no transporte coletivo urbano.

Uma nova reunião ficou marcada para a próxima segunda-feira, dia 30 de novembro, para definição consensual sobre os temas.

“Com diálogo, parceria e responsabilidade vamos vencer essa etapa difícil da pandemia. É muito importante trabalharmos juntos neste momento”, conclui o presidente da Fecam e prefeito de Rodeio, Paulo Weiss.

Acompanharam a reunião o chefe da Casa Civil, Eron Giordani, prefeitos, secretários de saúde, presidentes de associações de municípios, e representantes da diretoria da Fecam.

Ainda na tarde deste sábado, o governador se reuniu com os comandantes-gerais do Corpo de Bombeiros, coronel Charles Alexandre Vieira, e da Polícia Militar, coronel Dionei Tonet, e com o presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial e delegado geral da Polícia Civil de SC, Paulo Koerich, para tratar do apoio aos municípios na fiscalização do cumprimento das medidas de enfrentamento à Covid-19.

No encontro, também foi reforçada a importância de orientar a população para que cumpra as regras de prevenção à doença. Para, assim, evitar a propagação do vírus e que medidas mais restritivas tenham de ser tomadas. (Secom-SC).

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios