Destaque

Mãe de Rafael confessa ter matado garoto

O corpo do garoto Rafael Mateus Winques, desaparecido no último dia 15 de maio foi encontrado ontem dentro de uma caixa, em casa abandonada próxima de onde residia. A informação foi confirmado na noite desta segunda (25), pela delegada Nadine Anflor. O menino de 11 anos, foi localizado em Planalto, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Ainda conforme a delegada, Rafael foi morto pela própria mãe, Alexandra Dougokenski, que confirmou o crime. A mulher alegou que a morte teria sido ocasionada por medicação. No entanto, a versão será apurada pela polícia.

O corpo de Rafael foi localizado em uma casa abandonada, nas proximidades de onde o menino residia. O cadáver estava enrolado em um lençol dentro de uma caixa. Em comunicado nas redes sociais, o Conselho Tutelar do município também confirmou a localização do corpo e lamentou a morte da criança.

Desaparecimento

A mãe de Rafael relatou que na manhã de 15 de maio acordou e o filho não estava mais dentro de casa. Ela contou que a porta da frente estava aberta, com a chave pelo lado de dentro. Não foram identificados sinais de arrombamento da moradia. O caso foi comunicado ao Conselho Tutelar e à Polícia Civil. Desde então, buscas foram realizadas no município, inclusive com auxílio de cães farejadores. (Fonte GaúchaZH).

Receba Notícias no seu WhatasApp?
Clique no link: https://chat.whatsapp.com/J4WlEehakUP9cOsnsHJ4Ng

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios