GeralInternacional

Garoto de 9 anos corre 100 km e arrecada R$ 800 mil para hospital

Essa com certeza é uma das histórias de amizade mais lindas. O Freddie Xavi, de 9 anos, provou que fará de tudo para que seu melhor amigo, Hughie Higginson, de 10, vença uma batalha contra a leucemia.

No final do ano passado ele lançou uma campanha para arrecadar fundos, que foram doados ao hospital onde Hughie está internado. Freddie ganhou o coração de muita gente com essa atitude e conseguiu levantar £ 117 mil (cerca de R$ 800 mil) para o ajudar o amigo no tratamento.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Maratona de 50 dias

Em novembro, Freddie abriu a campanha da corrida beneficente. Sua meta era arrecadar £ 1.000 (cerca de R$ 7 mil), para ajudar o Royal Manchester Children’s Hospital, onde Hughie Higginson está em tratamento desde setembro do ano passado.

Freddie então propôs correr 2 km todos os dias até o Natal para ajudar o amigo. Só que para a sua surpresa, antes disso toda a meta da campanha foi batida! No final de novembro, o garoto já acumulava £30 mil (cerca de R$ 200 mil).

A história dessa amizade maravilhosa chegou a ser notícia em vários programas de TV de Manchester, Inglaterra, onde eles vivem. Ao se entrevistado por uma emissora, Hughie disse que não tinha nem como agradecer o que o amigo estava fazendo por ele. O garoto também completou que Freddie é uma grande influência para as outras pessoas.

Alguns dias após iniciar a maratona, Freddie ganhou um reforço mais que especial: Kieron Higginson, pai de Hughie. Os dois correram alguns quilômetros. Em uma entrevista, Kieron disse que está muito orgulhoso sobre como o filho tem enfrentado a leucemia e também agradeceu Freddie, pela prova de amizade.

Outra pessoa essencial nessa arrecadação foi o jogador do Burnley, James Tarkowski, um dos ídolos do Hughie. Ele visitou Freddie e fez questão de presentear os amigos com um Playstation 5 para casa.

E na última corrida, Freeddie teve a companhia da sua maior motivação para tudo isso: o amigo Hughie. Ele conseguiu autorização dos médicos para fazer um pequeno trecho – o da chegada, claro – como forma de apoiar e agredecer tudo o que Freddie tinha feito por ele nos últimos 50 dias.

Hughie segue em tratamento, mas agora com capacidade muito maior. Graças a ajuda dada por Freddie, o hospital pôde gerar um suporte maior aos pacientes em quimioterapia. Por Monique de Carvalho/R7/The Sun

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios