Esportes

Futebol de areia chama população para lutar contra câncer de mama

Trinta jogadoras de futebol de areia dos times Boa Vista da Praia, Projeto da Branca e Novos Talentos disputaram neste domingo (6), na Praia de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, o torneio Futebol da Resistência, Todas Contra o Câncer. O objetivo foi chamar a atenção da população, em especial das mulheres, para a importância da realização do exame de mamografia, para detecção precoce de câncer de mama.

O jogo foi organizado a pedido da deputada Enfermeira Rejane (PCdoB), presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), dentro da campanha Outubro Rosa, aberta oficialmente na última segunda-feira (30).

Rejane afirmou que a luta contra o câncer é todo dia. Avaliou, entretanto, que o Outubro Rosa faz com que a sociedade preste mais atenção para a luta das mulheres. “Porque não adianta só a gente conhecer nosso corpo, apalpar, ver que tem caroço, se a gente não vai poder fazer a mamografia”.

Por isso, a deputada obteve o apoio da Secretaria de Estado de Saúde, que levou para a orla de Copacabana um caminhão móvel para fazer na hora exames de mamografia gratuitos para as mulheres que passavam pelo local e já traziam o pedido médico. Para quem não tinha a indicação, esta podia ser obtida a partir de indicação de médicos que participavam da iniciativa.

Primeiro passo

Segundo a deputada, o Outubro Rosa serve para as mulheres lutarem para que unidades móveis desse tipo sejam direcionadas a todos os municípios do estado. Lembrou que a mamografia é o primeiro passo porque, dependendo do caso, a mulher tem que fazer tratamento que pode incluir cirurgia, radioterapia e quimioterapia e, em algumas situações, até reconstrução mamária.

Um mamógrafo móvel na praia de Copacabana à disposição para que mulheres com indicação médica possam realizar o exame na hora – Foto Tomaz Silva/Agência Brasil

“O mês inteiro é para a gente chamar a atenção mesmo da sociedade. Está ruim assim. Tem que ter investimento em saúde. Nós ainda temos tempo de exigir que a saúde seja prioridade. E a saúde das mulheres, mais prioridade ainda, porque é o câncer que mais mata, que pode ser prevenido e feita uma cirurgia”, disse. Segundo ela, o futebol feminino na areia ajuda a ”chutar essa doença para longe e a chamar o povo todo para lutar”.

A empregada doméstica Rosinete da Silva, moradora em Austin, município de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, sabia que o caminhão móvel da Secretaria de Saúde estaria estacionado em Copacabana. “Aí, eu vim, porque na minha comunidade é muito difícil. Demora de seis a oito meses para fazer”.

Como estava sem a requisição, ligou para o filho que conseguiu que a médica da mãe fizesse o pedido. Além da mamografia, Rosinete fez também um Raio X. “Consegui fazer os dois”. Ela vai pegar o resultado da mamografia em dez dias. Já o do Raio X ela recebeu na hora.

A terapeuta Rosely Girardin estava andando na praia com a filha quando viu o caminhão móvel. Ligou para sua médica que enviou o pedido pelo celular. Assim, ela pôde aproveitar a gratuidade e também fez a mamografia.

Para este ano, o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) estima que cerca de 59 mil mulheres serão diagnosticadas com a doença, no Brasil. (Fonte Agência Brasil).

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios