Destaque

Fórum Internacional busca superar os limitantes de integração produtiva

Para discutir a integração entre Argentina, Paraguai e Brasil inicia nesta segunda (11) o I Fórum Internacional Agro Sem Fronteiras: complementariedade produtiva entre Argentina, Paraguai e Brasil, no Centro de Eventos Plínio Arlindo de Nes, em Chapecó. Participam mais de 400 pessoas, entre empresários, cooperativistas, estudantes, agentes públicos, representantes das principais cadeias produtivas do agronegócio, especialistas em logística e mercado.

O evento é realizado pelo Bloco Regional de Intendentes, Prefeitos, Alcaldes e Empresários do Mercosul (BRIPAEM), pelo Fórum de Competitividade e Desenvolvimento para a Região Oeste, com correalização do Sebrae/SC e da Unoesc Chapecó e com patrocínio do BRDE e a organização da Revista Setor Agro&Negócios.

Para o gerente regional Oeste do Sebrae/SC Enio Albérto Parmeggiani o Fórum Internacional busca superar os limitantes de integração produtiva e de complementariedade produtiva evidentes diante dos potenciais naturais das principais cadeias produtivas nestes territórios de Santa Catarina, Brasil, Região da Província de Misiones na Argentina e os Departamentos de Itapúa e Alto Paraná no Paraguai. “As questões de logística são as mais cruéis pela inexistência de uma política de integração do Mercosul, além da precária infraestrutura. As lideranças empresariais e dos poderes constituídos, proativos, devem provocar e reivindicar veemente avanços nesse setor, principalmente, porque a região é historicamente isolada pela falta de investimentos em infraestrutura”, observa ao antecipar que o evento resulta da vontade em potencializar encaminhamentos e a defesa dos interesses dos pequenos negócios dessas regiões.

Parmeggiani defende a importância de as entidades representativas fortalecerem o movimento da Rota do Milho e elevarem as demandas a níveis diplomáticos os encaminhamentos. “Observa-se que há uma identidade pela causa, porém existem limitantes e, às vezes, aspectos obscuros impedem os avanços. O desprovimento de investimentos nestes territórios, apesar da boa vontade, é um grave limitante dos planos de integração fronteiriça. Por isso, a participação dos Governos e dos Legislativos, com proximidade das demandas tornam-se fundamentais”, analisa.

A intenção do Fórum Internacional é auxiliar nessa integração no território, principalmente, nas potencialidades de suas habilidades e competências produtivas, seja na produção de cereais e de proteína animal. O território pode desenvolver e elevar o grau de complementariedade, e fortalecimento dos pequenos negócios inseridos nestas cadeias produtivas. “Esperamos que essa integração promova geração de riqueza, contribua para fortalecer o ambiente de negócios gerando um novo ciclo de oportunidades, além do bem-estar das pessoas, complementa.

PROGRAMAÇÃO

Nesta segunda-feira (11), as atividades iniciam às 8 horas com o credenciamento dos participantes. A solenidade de abertura está prevista para às 9 horas.

A partir das 10 horas iniciam as discussões com o painel da Frente Parlamentar de Apoio a Rota do Milho: desafios e oportunidades. Logo depois, às 11 horas, ocorre o painel “Oportunidades de complementariedade produtiva entre Argentina, Paraguai e Brasil”. Os painelistas desse debate são o gerente comercial da Cooperauriverde Elestor Albrecht (Brasil); o prefeito de Naranjal Edoard Schaffrath (Paraguai); e o diretor nacional de desenvolvimento regional e agricultura Walter Kunz (Argentina). A mediação será feita pela Federação da Agricultura do Estado de Santa Catarina (FAESC).

Durante a tarde o evento segue às 14 horas com a palestra “Harmonização tributária entre os países do Mercosul” e terá como ministrantes o advogado especializado no assessoramento de empresas em operações de importação e exportação e contratos internacionais, Eduardo Saldanha (Brasil); o Abog. Francisco Antonio Fariña, cônsul do Paraguai em Resistência-Chaco (Paraguai); e o professor da Universidade Nacional de Misiones e contador, Rauel Karaben (Argentina). A mediação será feita pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC).

Às 14h50 a programação segue com o painel “A força do cooperativismo e sua contribuição para evolução do setor”, conduzida pelo gerente de cooperativismo da Organização das Cooperativas de Santa Catarina (OCESC) Paulo Von Dokonal (Brasil); pelo presidente da Central das Cooperativas do Paraguai Ruben Zoz (Paraguai); e pelos membros da Associação das Cooperativas da Argentina, Esteban Gamulin e Marco Prenna (Argentina). A mediação será feita pelo vice-presidente do Conselho de Administração e diretor administrativo financeiro da Aurora Alimentos, Neivor Canton.

Para finalizar o primeiro dia de evento, às 16h10, acontece a palestra “Desafios da Integração, Infraestrutura, Políticas de Integração, Logística e Conexões Fronteiriças”.

Para promover a melhoria do ambiente de negócios ocorrerá a sessão internacional de negócios realizada pelo Sebrae/SC, nesta terça-feira (12), às 8 horas, que oportunizará a integração direta de empresários dos mais diversos segmentos, possibilitando a ampliação da rede de contato seja clientes, fornecedores ou parceiros. Também acontece a reunião extraordinária do Bloco Regional de Intendentes, Prefeitos, Alcaldes e Empresários do Mercosul (BRIPAEM).

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios