DestaqueSaúde

Equipes de Saúde do CAAC fazem aprimoramento nos cuidados de pacientes

Com apenas um paciente internado na Unidade de Tratamento Semi-Intensivo do Centro Avançado de Atendimento Covid, as equipes de saúde estão realizando um aprimoramento no cuidado de pacientes. Participam equipes assistenciais de médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos de enfermagem, técnicos de radiologia, farmacêuticas e assistentes sociais.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

O coordenador da equipe médica do CAAC, Michel Cadenas, que já atuou em situações de crise em vários estados do país, entre elas a do Covid em Manaus-AM, está ministrando a capacitação.

Dentre os temas abordados nas capacitações destacamos alguns tópicos:
– Manejo avançado das vias aéreas
– Manejo avançado da ventilação mecânica
– Cuidados assistenciais do paciente grave
– Monitoramento e vigilância do paciente vítima da Covid19
– Leitura e interpretação da gasometria
– Integração e trabalho em equipe
– Uso de Capnografia na monitorização a beira leito

As equipes foram treinadas para organizar os fluxos assistenciais para atendimentos mais eficientes durante a maior demanda de pacientes.

Entre os profissionais que fizeram o curso estão funcionários de uma empresa terceirizada que atuou no Centro de Eventos e também profissionais da rede municipal. Com a desativação dos 75 leitos de enfermaria, alguns profissionais foram dispensados e outros passaram a atuar na UPA. A UTSI também será desativada em breve.

Mas a estrutura vai permanecer montada para o caso de nova “onda de contágio”. O prefeito João Rodrigues também ofereceu a estrutura do CAAC para o Governo do Estado e o Governo Federal, caso haja necessidade de transferência de pacientes de outras regiões.
Durante cerca de 40 dias o CAAC atendeu mais de 200 pacientes, com 102 altas, 19 óbitos e 84 transferências.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios