DestaqueEventos

Dráuzio Varella, em Chapecó, ensina sobre vida saudável

O Centro de Eventos e Cultura Plínio Arlindo de Nes foi palco, nesta semana, da palestra “Saúde em Foco”, com o médico paulista Dráuzio Varella, que marcou a abertura do 9º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite, em Chapecó. A iniciativa é parte do programa #BebaMaisLeite, que percorre o Brasil com uma agenda positiva de divulgação do consumo de leite, participando dos debates do nicho de produção leiteira.  A palestra teve como foco saúde, estilo de vida e benefícios do consumo da bebida como parte de uma dieta saudável.

Varella expôs que o maior benefício do leite é o cálcio, por ter a função de formar uma ossatura robusta e operar na contração da musculatura. O cálcio é importante na infância, na adolescência e continua sendo importante depois na fase adulta. Ressaltou a importância dessa substância no momento da menopausa da mulher. Dráuzio chama a atenção para o fato de que a melhor forma de absorver o cálcio é através do leite, e se o corpo estiver com falta dessa substância, que é muito necessária para o movimento e funcionamento, o próprio organismo retira-o dos ossos, o que pode levar a casos de osteoporose com o avanço da idade.

Para o médico, as teorias que vão contra o consumo de produtos de origem animal como carne e leite usam argumentos que muitas vezes não têm bases científicas. A queda do consumo de leite não se deve pelo fato de movimentos veganos e filosofias que são contra o consumo de produtos de origem animal, pois essas teorias atingem só uma parcela da população, que lê e se informa. “O que acontece atualmente, além de fatores políticos, sociais e econômicos é que muitas vezes, em nossas rotinas agitadas, o consumo de leite vem sendo substituído por outras bebidas prejudiciais à saúde, como sucos artificiais de má qualidade, refrigerantes, etc.”

Demonstrou preocupação também com o sedentarismo. Para ele, “não dá para ter saúde e ser sedentário, não dá para querer ter saúde e ficar sentado: ou uma coisa ou outra, atividade física é absolutamente fundamental. Nós caímos em uma situação hoje em que a gente não precisa fazer nada, não precisa se movimentar para ganhar a vida. Mas na verdade isso não é natural, natural é se movimentar, é andar. A geração dos nossos pais e avós andava o dia inteiro, faziam tudo a pé, por isso eram magros. O cálculo da Organização Mundial da Saúde é que no século XXI o sedentarismo causará tantas mortes quanto o cigarro”.

Na ocasião o presidente da Cooperativa Central Aurora Alimentos – uma das empresas patrocinadoras do evento – Mário Lanznaster comentou a expectativa de que o Brasil se torne um exportador de leite.

O resultado da venda dos ingressos para a palestra será revertida em doação de leite para a Associação dos Voluntários do Hospital Regional do Oeste (AVHRO).

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios