DestaqueSaúde

Credioeste promove palestra sobre os cuidados com a saúde do homem

Para conscientizar sobre as doenças da próstata e incentivar o cuidado com a saúde masculina, a Credioeste promoveu, nesta semana, a palestra “Novembro Azul, ministrada pelo urologista e médico cooperado da Unimed Chapecó Dr. Paulo Caldas. Em cumprimento das medidas de prevenção da covid-19, o evento presencial ocorreu somente para os colaboradores da agência de microcrédito, que foram orientados sobre Hiperplasia Benigna (HBP), prostatite e câncer de próstata.

A glândula prostática faz parte do sistema reprodutivo, responsável pela produção de boa parte do líquido seminal, fica localizada embaixo da bexiga urinária e pesa aproximadamente 20 gramas, semelhante ao tamanho de uma noz. A próstata pode desenvolver diversas doenças, a mais frequente é a Hiperplasia Benigna (HBP), que provoca o crescimento progressivo da glândula prostática e comprime o canal urinário, dificultando a passagem da urina. “Nesse caso, o jato urinário pode ficar fraco e o homem precisa fazer mais força para urinar, pois ocorre a obstrução da uretra. Também pode gotejar e aumentar a necessidade de ir ao banheiro”, afirmou Caldas.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

O tratamento pode ser com medicação ou cirurgia. O procedimento cirúrgico mais frequente é a Ressecção Transuretral da Próstata (RTU), que remove o tecido prostático aumentado, com um aparelho, pela uretra. “O aparelho tem uma alça por onde passa uma corrente elétrica. Cortamos a próstata e removemos seus fragmentos até desobstrução total do canal”, complementou o urologista.

Outra doença que afeta a glândula prostática é a prostatite, que pode ser aguda ou crônica. Nesses casos, ocorre com a inflamação da próstata e pode se manifestar em jovens de 20 a 30 anos. A prostatite aguda apresenta sinais como febre, dor na bexiga, ardência para urinar e pode fechar o canal urinário. A prostatite crônica tem os mesmos sintomas mais brandos, por vezes de longa data, e sem febre.

Também foi abordado sobre o câncer de próstata. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Brasil a patologia é a segunda mais comum entre os homens. Conforme o médico urologista, os maiores fatores de risco são idade, histórico familiar e etnia (origem afrodescendente). É difícil prevenir a doença, mas orienta-se atividade física regular, controle do peso, alimentação saudável e não fumar.

Para rastrear a enfermidade são recomendados o toque retal e exame de sangue Antígeno Prostático Específico (PSA) a partir dos 50 anos e mais cedo para homens que fazem parte do grupo de risco. “Após o diagnóstico, a melhor conduta será proposta pelo médico de forma individualizada. Para cada caso de baixo risco pode-se seguramente acompanhar e, de acordo com a evolução, tratar ou não, estratégia chamada de vigilância ativa. Quando há necessidade de tratamento, cirurgia e radioterapia são as técnicas mais indicadas. Avanços nas técnicas cirúrgicas e radioterápicas podem oferecer melhores resultados funcionais que técnicas mais antigas, com intuito de preservar a qualidade de vida”, explicou Caldas.

O agente de crédito Valmor de Paula (56 anos) parabenizou a iniciativa da Credioeste. “Essa parceria nos oportunizou a troca de experiências. Quanto mais cuidarmos da nossa saúde melhor. Sempre é importante nos conscientizarmos sobre o câncer de próstata. Não tenho casos na família, mas neste ano eu já fiz todos os exames preventivos”, relatou.

Para o agente de crédito Renan Franco (35 anos), a palestra contribuiu para desconstruir preconceitos diante da realização do toque retal e do PSA. “A palestra foi muito esclarecedora e importante, pois já tive casos de câncer na família. Minha mãe faleceu devido o câncer de mama. Se tivéssemos feito o diagnóstico precoce talvez ela ainda estivesse aqui”.

A gerente-executiva da Credioeste, Márcia Biffi, avaliou que cuidar da saúde é indispensável, principalmente diante do novo cenário provocado pela pandemia.  “O Novembro Azul é um excelente período de reflexão para intensificarmos o cuidado com a saúde do homem. A iniciativa facilitou o acesso às informações e incentivou os homens a manterem o cuidado para melhor qualidade de vida. Eventos como esse ajudam também as mulheres a entender o universo masculino e alertar pais, maridos e filhos a analisarem os seus hábitos e visitarem regularmente o médico”, destacou. (MB Comunicação).

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios