Destaque

Chapecó entra na bandeira amarela e eventos tem a volta gradativa

Nesta sexta (2), Chapecó entrou na bandeira amarela de risco, em relação a pandemia da Covid-19, e com isso os eventos podem ter a sua volta gradativa.  As liberações de eventos e cinemas levam em conta as Avaliações do Risco Potencial para a covid-19 e as determinações da portaria 658. Nas regiões que apresentarem Risco Potencial Gravíssimo (Bandeira Vermelha) ou Risco Potencial Grave (Bandeira Laranja) continuam proibidas a realizar eventos.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Segundo o prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, já foi comunicado ao Estado de Santa Catarina a compra de 30 mil novos testes do COVID, pois o parâmetro de testagem estava baixo. Com essa remessa grupos de riscos serão testados e assim, Chapecó passa para bandeira amarela.

A presidente do Convention Chapecó, Branca Rubas participou da frente que discutiu e formulou os protocolos de segurança divulgados pelo Estado de Santa Catarina. Além disso, ela se reuniu com todo setor de eventos de Chapecó e destaca que todos esperavam ansiosamente por essa notícia. “Queremos a volta gradual dos eventos onde todos os setores possam voltar a atuar, dentro de todas as normas de segurança. Contudo, a população precisa estar ciente que é necessário manter os cuidados para não chegarmos a retroceder no mapa”.

Branca explica que a partir de agora podem ocorrer congressos, eventos sociais e feiras. As casas noturnas apenas podem abrir a partir da bandeira azul.

O setor de eventos é responsável por cerca de 15 mil postos de trabalho e R$ 1,5 bilhão em negócios por ano no estado, de acordo com recente diagnóstico realizado pela Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur).

Segundo Diagnóstico Econômico e Plano de Retomada do Turismo Catarinense da Santur, cerca de 7,5% dos eventos que seriam realizados no estado, entre março e agosto de 2020, foram afetados pela pandemia. O impacto na movimentação econômica média acumulada nesse período soma R$ 137,6 milhões, especialmente devido aos eventos grandes que, por necessária precaução, deixaram de acontecer.

Eventos transferidos

Um dos eventos transferidos devido a Covid-19 foi a Feira Inspira Mulher. A idealizadora, Branca Rubas divulgou a transferência do evento, que aconteceria em setembro, para os dias 23, 24 e 25 de abril de 2021, no mesmo local já divulgado, Centro de Eventos de Chapecó.

De acordo com Branca: “Nossa ideia com o Inspira Mulher surgiu para criar oportunidades através do networking e impulsionar novas ideias, parcerias e negócios. De fato, nós queremos valorizar e intensificar o empreendedorismo feminino em nossa região, pois acreditamos na excelência dos negócios geridos por mulheres. Mas para que esse evento aconteça da melhor forma, devemos garantir a máxima segurança de todos os envolvidos”.

Branca ainda acrescenta que devemos manter as boas vibrações e não perder a esperança em notícias e dias melhores. O evento ainda tem como palestrante nacional Camila Farani. Ela é um dos “tubarões” do Shark Tank Brasil. (Darlei Luan Lottermann).

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios