Geral

Cejusc de Chapecó otimiza virtualmente 100 sessões de conciliação entre março e abril

A comarca de Chapecó segue com resultados positivos nas sessões de mediação e conciliação realizadas pelo Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc). Somente em março e abril desse ano, mais de 100 sessões foram realizadas e muitas obtiveram êxito com acordos efetivados. As sessões contam com mediadores de Chapecó e região que participam de um curso em formação oferecido pela Academia Judicial e certificado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O magistrado André Alexandre Happke, também Coordenador do Cejusc local, é o supervisor da capacitação desses novos mediadores.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Um exemplo positivo foi destacado pela secretária do Cejusc, Mauria Ansolin em uma sessão e mediação realizada na última semana (20/04) com a presença de vários profissionais por meio da sessão virtual. Na sessão, a requerente do processo participou em Chapecó junto ao seu advogado. O requerido estava em Roraima e sua procuradora em Campo Grande. ¿Na sessão, após duas horas de diálogo foi obtido êxito em mais um acordo de família¿, pontuou Mauria. A secretária parabenizou ainda os mediadores de Concórdia e Galvão, Marcos Cossa e Rafael Bombazaro pelo desempenho. ¿Parabenizo também todos os mediadores envolvidos pela dedicação e desempenho nas inúmeras sessões que vem ocorrendo no decorrer desse ano¿, finalizou Mauria. O atendimento do Cejusc ocorre pelo WhatsApp no número (49) 3321-4179. Assessoria de Imprensa/NCI

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios