DestaqueEconomia

BRDE capta recursos na França para financiar projetos na Região Sul

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) inaugura, em 2020, a segunda etapa de captação de recursos internacionais junto à Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD). A iniciativa viabilizou investimentos sustentáveis nos três estados da Região Sul. A celebração do contrato de financiamento, que fica próxima dos R$ 425 milhões, será realizada nesta terça (11), a partir das 14h, em evento online transmitido pelo YouTube do BRDE.

Representando o BRDE, estarão o Diretor-presidente do banco, Luiz Corrêa Noronha, o  vice-presidente e Diretor de Operações, Wilson Bley Lipski, e o Diretor Financeiro, Marcelo Haendchen Dutra.

“A ampliação da oferta de crédito para a Região Sul é um objetivo constante do BRDE, principalmente no contexto atual de acentuada crise econômica. Nessa nova rodada de recursos franceses, a linha de crédito foi ampliada e contemplará projetos que contribuem positivamente para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) definidos pelas Nações Unidas (ONU), em especial os investimentos em saúde, educação e patrimônio cultural. Desse modo, o BRDE busca consolidar sua carteira verde, social e sustentável”, informa Luiz Corrêa Noronha.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Representando a AFD, o evento online terá a presença do diretor da agência no Brasil, Philippe Orliange.

“Este segundo financiamento vem consolidar ainda mais a parceria entre a AFD e o BRDE, sobretudo pela inclusão no projeto de uma análise de desenvolvimento sustentável para toda a carteira do BRDE, permitindo o financiamento de ainda mais projetos de alto impacto social e ambiental”, afirma Philippe Orliange.

Olivier da Silva, Encarregado de Negócios da Embaixada da França, também estará no ato. Para ele, “é necessária não somente a resposta aos tempos atuais, mas também uma resposta às gerações futuras, principalmente ao fortalecer e cumprir com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”.

A classe política também estará representada no ato. Os governadores do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), além do vice-governador do Paraná, Darci Piana (PSD), confirmaram presença.

Histórico da parceria entre BRDE e AFD

O primeiro empréstimo do BRDE junto à AFD, obtido em 2018, no montante de 50 milhões de euros, aproximadamente R$ 304 milhões, foi direcionado ao Programa BRDE PCS – Produção e Consumo Sustentáveis, que financia projetos de impacto positivo sobre o meio ambiente e o clima.

O PCS se tornou a linha de crédito mais demandada no BRDE nos últimos anos, abrangendo cinco eixos prioritários:

  • energias limpas e renováveis;
  • gestão de resíduos e reciclagem;
  • uso racional e eficiente da água;
  • agronegócio sustentável
  • cidades sustentáveis.

Pelo Estado

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios