DestaqueInternacional

Avião que se partiu em dois transportava 190 pessoas

Um avião da Air India Express com 190 pessoas a bordo saiu da pista e se partiu em dois ao aterrissar na cidade de Calicute, no estado de Kerala, na Índia. Pelo menos 17 pessoas morreram e 123 ficaram feridas, das quais 46 estão em estado grave.

O voo partiu de Dubai e tentou aterrisar no Aeroporto Kozhikode, um dos principais hubs aéreos da Índia. Os pilotos, Deepak Vasant Sathe e Akhilesh Kumar, estão entre as vítimas fatais.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Segundo informações da mídia local, o voo IX-1344 fazia parte de uma missão de repatriação de indianos presos fora do país por conta da pandemia do novo coronavírus. Dos 190 ocupantes, 184 estavam sendo repatriados, sendo 10 deles crianças. Os outros 6 faziam parte da tripulação.

Segundo o jornal Times of India, chovia muito na hora do acidente. Testemunhas dizem que nenhum incêndio foi percebido no momento do pouso. Conforme relatos iniciais, as operações de resgate estão em andamento e os passageiros estão sendo levados para o hospital, afirmou uma fonte do Ministério da Aviação Civil.

Outro jornal local, o The Indian Express, relata que a aeronave atravessou a pista, caiu em um barranco ao final dela e se partiu em dois. A expressão usada pela publicação é “há alguns sobreviventes”.

Todos os que estavam a bordo foram resgatados e encaminhados para hospitais da região. Ainda não se sabe o estado de saúde da maioria das vítimas. (Fonte R7).

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios