Polícia

ASSASSINATO: Homem é morto na frente da filha e da esposa em Chapecó

Um homem, de 40 anos, foi assassinado na noite de quarta (12), no bairro Progresso, em Chapecó (SC). Ele saiu do apartamento para buscar o celular no carro com uma de suas filhas e levou três tiros de arma de fogo. A esposa e a criança assistiram ao homicídio.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

A mulher de 48 anos, companheira da vítima, contou à polícia que depois de um tempo que o homem e a filha foram no carro para buscar o telefone, a criança retornou para a casa afirmando que um homem estava apontando uma arma para o pai.

As duas se deslocaram até a frente do prédio e viram o homem dando três disparos contra a vítima. A segunda filha não viu o momento do crime. A polícia foi acionada mas, antes da chegada da guarnição, familiares levaram o homem baleado para o Hospital Regional do Oeste. Os militares se deslocaram para a unidade de saúde e ouviram o relato da esposa. As filhas, que têm 8 e 10 anos, não foram ouvidas. A vítima estava com lesões graves e morreu pouco tempo depois.

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios