Destaque

Anvisa aprova o registro do Zolgensma, medicamento usado no tratamento da AME

O deputado federal Celso Maldaner comemorou a publicação no Diário Oficial da União, pela Anvisa, a liberação e regulamentação do Zolgensma, medicamento usando no tratamento das crianças acometidas pela Atrofia Muscular Espinhal – AME, aplicado por ora somente nos Estados Unidos sob um preço elevadíssimo.

Ele explica que o medicamento continuará tendo que ser custeado, mas é uma grande conquista somado a isenção de tributos de importação já decretado pelo presidente Bolsonaro.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Segundo o deputado, é notável que há certo descaso com a saúde pública, seja no atendimento pessoal ou no fornecimento de medicamentos. Claro que devemos ressaltar a importância de políticas de apoio e distribuição desses remédios, principalmente quando estes foram vinculados ao Sistema Único de Saúde – SUS, tornando o acesso mais democrático e acessível. “Não resta dúvidas de que é competência do Estado, da União e dos municípios o fornecimento de medicamentos para o tratamento da saúde humana e assim se torna claro o viés constitucional desse quesito, por meio do art. 196 da Constituição”, destaca.

A Atrofia Muscular Espinhal é uma desordem genética, de elevada complexidade clínica, que implica em risco e clara ameaça à vida. Assim, as crianças acometidas pela doença estarão restritas a uma vida de privações, que as afastam e muito do desenvolvimento típico de uma criança saudável. “Viemos aqui hoje manifestar nosso apoio no sentido de garantir o mínimo de dignidade para essas crianças. O sentimento é de gratidão pela liberação e regularização do medicamento, que vai trazer tranquilidade aos pais e dignidade às crianças. Esperamos ainda a incorporação do medicamento para que o tratamento seja vinculado ao SUS e assim, garantir justiça ao seu acesso. Agradecer ao Governo Federal por olhar por tantas vidas que poderão usufruir com entusiasmo uma infância feliz e acessível, zerando os impostos da importação”, comemorou.

No mês de julho, Maldaner entrou com uma moção de apelo junto à Anvisa para agilizar os protocolos recebidos pela empresa responsável – Novartis.

Na última semana, o parlamentar também levou o assunto à Ministra Damares Alves. “É uma grande conquista para quem tem no medicamento, a esperança da vida”, finalizou.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios