Geral

ACIC recebe nova diretoria da Facisc e discute prioridades regionais

 A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) recebeu a visita do presidente eleito para a gestão 2021/2023 da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), Sérgio Rodrigues Alves. O objetivo do encontro foi alinhar as demandas de Chapecó e região. Participaram o presidente da ACIC Nelson Eiji Akimoto, o diretor executivo Fabio Luis Magro, o novo vice-presidente da Facisc (Oeste, representando Itá) Milvo Zancanaro, o diretor de agronegócio Vincenzo Mastrogiacomo, o diretor do Projeto Empreender Antonio Rebelatto e o ex-presidente da Facisc João Ernesto Reck.

Clique aqui e receba notícias de Chapecó e Região, do Brasil e do mundo pelo WhatsApp!

Alves fez um roteiro de visitas às Associações Empresariais do Oeste para conhecer as necessidades da região e, a partir delas, compor o planejamento para a gestão que inicia no próximo ano. Além de Chapecó, esteve em Maravilha, São Miguel do Oeste, Pinhalzinho, Cunha Porã e Palmitos.

De acordo com Akimoto, as principais demandas continuam sendo relacionadas à infraestrutura, como melhorias nas rodovias, no Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, na energia elétrica e na construção de ferrovias. “O Oeste foi a primeira região que o novo presidente da Facisc visitou após ser eleito. Isso demonstra que dará atenção aos nossos pleitos”, frisou, ao ressaltar que o associativismo precisa ser estimulado em Chapecó e com a atuação da Facisc próxima à Associação o trabalho é fortalecido. “É a Federação que nos representa em nível estadual, dando-nos mais força para as nossas demandas”. O presidente da ACIC também apresentou os trabalhos desenvolvidos pela entidade e o trabalho voluntário dos diretores.

O presidente Sérgio Alves destacou como será a sua atuação frente à Federação, focada em aproximação e gestão participativa, aberta ao diálogo e às boas práticas. “Vamos atuar em parceria com o nosso associado. Queremos aproveitar boas ideias e desenvolver ainda mais nosso Sistema. Vamos desenvolver o potencial de cada Associação, seja grande, média ou pequena”. Outro ponto levantado foi a importância de se levar a sensibilidade da classe empresarial ao setor público. “Os empresários sentem as dores e as entidades podem leva-las ao poder público em busca de soluções”. (MB Comunicação).

 

Etiquetas

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios