Geral

A arte de socializar e promover a educação canina

Para evitar o temperamento muitas vezes inadequado, a providência mais indicada é adestrar o cachorro. Educar o pet significa formar um “idioma” simples e objetivo de comunicação envolvendo o homem e o cachorro. Isso é possível de se realizar ao se entender quais são as reais necessidades da espécie canina e “auxiliarmos o cão a perceber aquilo que se espera dele, de forma que ele possa se adaptar à realidade do ambiente familiar”, explica a médica veterinária, Lúcia Franco.

Um dos fundamentos de forte tendência do mercado pet “é o adestramento”, comenta Lúcia, responsável técnica da escola Dog Show. A escola de adestramento é especialista no treinamento de cães, independente de idade, raça ou tamanho. A missão da escola é fazer com que os seres humanos conheçam as necessidades básicas do cão, “como atividades físicas e mentais”, define.

Lúcia mostra ser preciso entender como os cães se comunicam. “Isso é feito através da linguagem corporal”. A propósito a escola iniciou o projeto “Oficina para crianças”, desenvolvido no Colégio Logosófico, sobre “como se relacionar com o cão”. O primeiro tema das aulas ministradas todas as quartas-feiras “é justamente entender esta linguagem corporal”.

No processo de adestramento “o melhor amigo do homem”, precisa ser submetido a adequadas técnicas, fórmulas e metodologias. Esse conjunto de ações corrigem comportamentos indesejados “apresentando perfeito resultado”, assegura a veterinária. Ela contextualiza o ato repetitivo como de “extremo valor” no treinamento. Paralelo, está o reforço positivo mediante recompensa diante do bom comportamento. “O momento do aprendizado deve ser prazeroso para o pet”.

Perdão – Todo eventual “erro” do cachorro durante as atividades “não deve, nem pode ser valorizado” disse, para acrescentar que o fato precisa “simplesmente ser ignorado”. O adestramento canino é importante por vários motivos. Entre eles aumenta o vínculo do cão com seu tutor, “que passa a compreendê-lo melhor” e consegue melhorar comportamentos inadequados do pet.

A equipe da escola utiliza o método de Adestramento Inteligente. Por ele mais de mil cães já foram devidamente adestrados. Localizada no acesso ao Aeroporto de Chapecó, em área de 8.000 metros quadrados em meio a um bosque natural, a Dog Show também presta serviços de hospedagem, day care, transporte e agility. Além de ministrar cursos para tutores e amantes de cães. O primeiro deste ano acontecerá nos dias 28 e 29 de março.

Origem – O adestramento tem uma história muito curta. Com cerca de apenas 80 anos, a atividade não chega nem perto dos mais de 100 mil anos de existência do lobo cinzento que deu origem ao cão. Com expectativa de vida entre dez e vinte anos, o cão é um canídeo social, o mais antigo animal domesticado pelo ser humano, processo que se iniciou há 13 mil anos. (Fonte JC Linhares Assessoria & Comunicação).

Receba Notícias no seu WhatasApp?
Clique no link:  https://chat.whatsapp.com/LghOsEwYAqyI6U64hKIOjs

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios